De 28 de Setembro à 03 de Outubro reunirão no estúdio do Atelier Real os pesquisadores Paula Caspão, Ingrid Cogne, Julia Hölzl e Tobias Pilz, com o projeto de pesquisa de arte Six Formats, com sede em Academy of Fine Arts, em Viena, liderado por Ingrid Cogne e Felicitas Thun-Hohenstein

 

 

 

De 28 de setembro a 3 de outubro, o Centro de Pesquisa em Estudos Teatrais acolhe o projeto de pesquisa de arte Six Formats, com sede em Academy of Fine Arts, em Viena, liderado por Ingrid Cogne e Felicitas Thun-Hohenstein. O projeto questiona seis formatos particulares usados para comunicar conhecimento relacionado à arte: publicação, exibição, simpósio, leitura-desempenho, triagem e workshop.

Mais do que considerar um formato como “ferramenta” para a comunicação de um conteúdo particular no campo da pesquisa artística, parece crucial analisar as particularidades de um formato – os tipos de associações e circulações que ele pode gerar, permitir ou desautorizar – dentro da muito momento de encontro com uma audiência (que difere dependendo dos parceiros institucionais, dos pares aos visitantes).
Qual é o conhecimento prático que entra em jogo?
Como abordar o aspecto dramatúrgico desse conhecimento?
Após um período de pesquisa no formato Leitura-desempenho em Montreal, em janeiro de 2017, em Lisboa, seis formatos definem o que é chamado de “pós-processo” no quadro do projeto – um período de trabalho para revisar e reativar suas principais questões, fragilidades e outras possibilidades.
Por cinco dias, Paula Caspão, Ingrid Cogne, Julia Hölzl e Tobias Pilz reunirão para:
– questionar as relações: formatar como ferramenta versus formato como reunião vs. formato como evento;
– descreva a redação de um artigo, entendido como deslocamento e / ou circulação entre fazer e escrever;
– situações de desafio / exaustão de comunicação.

https://www.akbild.ac.at/resolveuid/9df7dfbe006af8e5eb6042fa4b401665